Renda para acesso ao Fies passa para três salários mínimos

fiesrenda

Publicada na edição desta segunda-feira (11) do Diário Oficial da União, portaria do Ministério da Educação, amplia a renda familiar para acesso ao Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), para três salários mínimos.
A partir de hoje (11), pode participar do processo seletivo o estudante com renda familiar mensal bruta per capita de até três salários mínimos. Antes, essa renda era de até 2,5 salários mínimos.
A mudança foi anunciada em junho pelo ministro da Educação, Mendonça Filho, e o presidente interino, Michel Temer, durante cerimônia no Palácio do Planalto.
Com a alteração na faixa de renda, o ministério publicou nova tabela com a definição do percentual de financiamento do programa.
Neste segundo semestre, o Fies terá 75 mil vagas. O programa oferece financiamento de cursos superiores em instituições privadas a uma taxa efetiva de juros de 6,5% ao ano. O percentual do custeio é definido de acordo com o comprometimento da renda familiar mensal bruta per capita do estudante.

* com informações da Agência Brasil

Comentar

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

*