Justiça nega recurso para desbloqueia do WhatsApp e aplicativo continua suspenso por 72 horas

zapsuspensoLiminar do mandado de segurança que solicitava o desbloqueio do WhatsApp foi negada. A decisão foi publicada na madrugada desta terça-feira (3) pelo plantão do judiciário do Tribunal de Justiça de Sergipe (TJSE).
Diante da decisão o aplicativo de mensagens instantâneas vai continuar bloqueado por 72 horas. O recurso foi negado pelo desembargador Cezário Siqueira Neto.
Com isso, o aplicativo de mensagens instantânea que começou na tarde dessa segunda-feira (2), está mantido para clientes da TIM, Oi, Vivo, Claro e Nextel.
O processo que culminou na determinação é o mesmo que justificou, em março, a prisão de Diego Dzodan, vice-presidente do Facebook, empresa dona do app, para a América Latina.
O magistrado Marcel Montalvão, da comarca de Lagarto (SE), quer que a companhia repasse informações sobre uma quadrilha interestadual de drogas para uma investigação da Polícia Federal, o que a companhia se nega a fazer afirmando não ter essas informações.
Caso as operadoras descumpram a decisão, estarão sujeiras a multa diária de R$ 500 mil.

Comentar

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

*